DISTRIBUIÇÃO DA ÁGUA

A capacidade total de reservação, de 11 milhões de litros, revela-se suficiente para suprir adequadamente a demanda. Tanto o distrito sede como o de Cachoeira de Emas são atendidos em sua totalidade pelo fornecimento de água tratada, por meio de amplo e complexo sistema de distribuição, com extensão superior a 400 km. São 24.328 ligações, assim distribuídas: residenciais, 21.841; comerciais, 2.079; industriais, 76; mistas residencial/comercial, 332 (dados de novembro de 2009). 

Para reduzir a perda e proporcionar mais eficiente distribuição e pressão de água, o bolsão central da cidade passou por substituição da tubulação, sem a necessidade de interrupção no abastecimento. No serviço, em extensão de 15,66 km e realizado por equipe do SAEP, investiram-se mais de R$ 493 mil. (No Brasil, muitos municípios perdem em média 40% da água tratada na própria rede de distribuição).

O fornecimento envolve duas estruturas: a rede de distribuição e os reservatórios. Estes últimos, no total de 19 e distribuídos de maneira estratégica, destinam-se não apenas para armazenar a água como para atender, com mais eficiência e segurança, a demanda e as possíveis variações de consumo em determinada região ou época do ano. Neste sentido e sempre que viável, são instalados em locais altos que possibilitem manter pressão mínima e constante da rede; quando não, empregam-se equipamentos específicos.

A rede de distribuição, de sua parte, é a estrutura mais dispendiosa. Trata-se de um conjunto de tubulações interligadas e instaladas ao longo das vias públicas ou nos passeios, junto aos edifícios, pelas quais a água chega aos pontos de consumo (moradias, escolas, hospitais e prédios públicos, entre outros).

Indique a um amigo! Preparar para Impressão
Fone: (19) 3565-4511
Avenida Newton Prado, 2.664 - Centro
Pirassununga/SP - CEP 13631-901